Nada é mais elegante, descomplicado de vestir e democrático como uma camisa branca. Especialmente no trabalho, ela tem o poder de valorizar a sua imagem e facilitar a vida, enquanto que não fala mais alto do que aquilo que você tem a mostrar seu trabalho e suas ideias, amigo! É parceira ideal de ternos e costumes e deixa refinada qualquer produção casual. Por essas e por outras que dedicamos uma coleção especial à ela e te mostramos 5 produções para o trabalho com estilos diferentes, do formal ao despojado.

A camisa branca é tão elegante e discreta quanto o seu costume. Como é clara, deixa o visual mais leve e ajuda a alongar; e ainda combina com qualquer tom de gravata.



Pode dispensar o blazer, mas não deixe de combinar a camisa branca com uma calça de alfaiataria pra que o visual fique coerente com o ambiente em que você trabalha.



Combine a camisa branca com uma calça iron cáqui, que é um clássico e super confortável. O tricô é mais informal do que o blazer e deixa você bem arrumado.



Se o clima é informal, deixe a camisa solta sobre o jeans e jogue uma jaqueta de couro por cima. Repare que o jeans é escuro, sem lavagem marcada.


Se camisa combina com bermuda? Claro que sim. Desde que seja de algodão, e não de tricoline, como a Oxford. Já a bermuda deve ter corte reto, mais elegante para o trabalho.


 

 QUAL É AFINAL A CAMISA PERFEITA? 

É a Oxford! Simplesmente porque ela está acima de moda e tendência, salva a sua pele quando nada parece funcionar e, curiosamente, sempre parece atual. Questão de qualidade de corte e de tecido, o puro algodão Oxford, e também de legado. Antes de virar um clássico, essa roupa foi sinônimo de vanguarda e marcou o estilo de gerações.
A trama do Oxford é mais aberta do que a padrão. Com isso, o tecido respira melhor e a camisa ganha leveza e conforto.
O algodão Oxford produzido no Brasil, utilizado pela Reserva, é considerado um dos melhores do mundo pela alta maleabilidade e estrutura de tramas.
A Oxford não amassa com facilidade e não requer frescura para lavar – uma excelente opção para os longos dias no escritório.
Como não é formal, nem despojada demais, a Camisa Oxford se encaixa perfeitamente em todos os estilos e ambientes de trabalho.

Na Reserva você ainda pode gravar as iniciais do seu nome na Oxford. Além da branca, você ainda tem mais quatro opções de cores. Saiba mais!

#fff34f

Colarinho

Deve ter a medida certa do seu pescoço com um dedo de folga para não apertar, muitomenos ficar com folga quando você combina uma gravata. Sem gravata, deixe os dois primeiros botões abertos.

Punho

O punho da camisa ideal deve ter cinco cm a mais que a medida exata do seu punho. O comprimento deve ser de 2 a 3cm abaixo do limite do punho. Meça com os braços esticados e os botões soltos. Se o ambiente de trabalho for formal, a forma correta de usar é com os botões do punho fechados.Caso contrário, dobre as mangas para o visual ficar mais estiloso.

Ombros

A costura da que determina o início da manga deve terminar exatamente no limite do ossinho do ombro. Se passar, é porque a camisa está grande e sua postura ficará caída. Antes, está pequena.

 VOCÊ SABIA? 

Que uma camisa branca é o item mais antigo de vestuário preservado do mundo? Trata-se de uma peça de linho, costurada dos lados e com abertura para a cabeça, que lembra uma camisa de linho, encontrada em uma tumba no Egito. Até ganhar a forma e a utilidade conhecida hoje, a camisa teve diferentes caras e funções. Na época do Império Romano, tinha mangas e lembrava uma túnica. Mais tarde, durante a Idade Média, passou a ser usada como roupa de baixo, como uma camisola protetora.

Até meados do século 18, somente o colarinho ficava à mostra e era usado inclusive como símbolo de status e poder: enquanto o branco era exclusivo das classes abastadas, o azul era a cor dos trabalhadores. No século 19, quando deixa de ser roupa de baixo, a camisa branca ganha ainda mais valor, pois somente a aristocracia podia usar e trocar de camisa quantas vezes fossem necessárias.

O que determina a qualidade do tecido é a espessura dos fios que são entrelaçados na trama. Quanto maior o número, mais qualidade o tecido e a camisa têm. O Oxford é resultado do cruzamento de dois fios finos com um mais grosso, processo que foi desenvolvido na Escócia no século XI, o que permite que a pele respire melhor. Por isso, é o mais indicado para o clima tropical do Brasil.

A camisa Oxford ganhou espaço no guarda-roupa masculino a partir dos anos 1930, quando os times de polo dos Estados Unidos adotaram a peça como uniforme. Anos depois, os jovens começaram a usar a camisa com calças e tricôs nas cores da bandeira norte-americana, azul, vermelho, branco, e a Oxford virou símbolo de um estilo conhecido como Preppy Ivy League. Astros famosos pela elegância, como Alain Delon e Paul Newman, ajudaram a colocar a Oxford sob os holofotes. Daí, para virar desejo coletivo e um clássico foi questão de pouquíssimo tempo.

 UMA CAMISA RESERVA FEITA SOB MEDIDA PRA VOCÊ? SIM! 

Ela pode ser clássica, mas jamais a mesma ou seguir um padrão. Foi pensando nisso que a Reserva lançará em breve uma marca de alfaiataria, a Oficina, que vai oferecer um serviço exclusivo para você ter uma camisa sob medida para chamar de sua.

Você poderá ser atendido em algumas lojas Reserva (as lojas da capital carioca serão as primeiras a receber a marca) ou solicitar uma visita de um Personal Stylist da marca, que irá até a sua casa ou escritório tirar suas medidas. A escolha dos tecidos, estampas, tonalidades, tipo de colarinho e punhos, além do monograma (iniciais do próprio nome) vai depender de seu gosto pessoal – se quiser, o profissional da marca poderá te auxiliar nessa seleção e até em maneiras de combinar a sua nova peça com as demais de seu guarda-roupa. Aquele velho truque de sentar para saber se o caimento da camisa está certo nem será mais necessário, pois as medidas, costuras e ajustes feitos pela Oficina se adequam perfeitamente ao corpo. Além disso você terá a facilidade de receber em sua casa o seu mais novo artigo de desejo. Personalizado, e já não tão básico!

 

QUER SER AVISADO SOBRE NOSSOS PRÓXIMOS POSTS?